http://i1295.photobucket.com/albums/b634/Katleyy/letras-Coacutepia3_zpscc96821c.png

Crítica: "Deusa do Mar"

Feliz encontro Filhas e Filhos das Trevas!

Trago-vos hoje uma crítica feita pelo blog As HIstória de Elphaba ao livro "Deusa do Mar" da nossa querida autora PC Cast para alguém que esteja indeciso em comprá-lo ou mesmo para comparar opiniões para os que já o leram. Aqui fica:




"Deusa do Mar narra-nos as aventuras de uma mulher igual a tantas outras, descontente com o seu destino, expõe-nos o seu desejo mais íntimo, a concretização desse seu anseio e o seu desenlace durante uma viagem pelo inimaginável que ultrapassa todos os tempos.

P. C. Cast tem uma escrita simples que se traduz numa leitura fluida e sequiosa para o leitor onde a magia, que reside dentro de cada mulher, é a chave para a felicidade, o impulso para ir mais além da sua bolha privada atingindo a essência que faz de cada uma de nós singular e especial.

Duas garrafas de champanhe, amor a menos no corpo e fantasia a mais no espirito levam Chritine, CC, a pedir um desejo à lua e à deusa Gaia no dia do seu aniversário. O resultado desta brincadeira irracional não poderia ser mais bem conseguido, repleta de imaginação e com algumas personagens bastante apelativas P. C. Cast oferece-nos uma viagem mirabolante ao ano 1014 onde mistura a essência de uma época com o que de melhor sabe oferecer aos seus leitores, muita fantasia.

A protagonista da nossa história prima pela sua personalidade e capacidade transmitir emoções ao leitor. Ela é susceptível ao inexplicável e ambiciosa para com o seu futuro afectivo no entanto não se sente mulher e talvez por isso tenha sido tocada pela Deusa da Terra. O que ela nunca imaginou é que a magia fosse aparecer como nos contos de fadas, transportando-a para um novo mundo repleto de surpresas que me agradaram de forma bastante positiva.

Esta é, acima de tudo, a busca pela felicidade por parte de CC que pela primeira vez deixará de guardar tudo para si própria tornando-se mais forte e descobrindo-se a si mesma. E este é para mim núcleo deste livro para além de todo o universo maravilhoso que nos é oferecido.

Das restantes personagens gostei de Gaia em particular, aliás, gostei de todas as personagens femininas mas, por outro lado, os intervenientes masculinos deixaram bastante a desejar. Terá sido obra do acaso ou a verdadeira intensão da autora?

De qualquer forma as mulheres do mosteiro no século 1014, fortes e sabias, marcam a passagem do tempo pela feminilidade enquanto Gaia é Gaia. Ela é uma deusa, intemporal, e quando ela intervém os diálogos são deliciosos assim como os momentos mágicos.

Pessoalmente, acho que todas as personagens secundárias poderiam ter sido mais exploradas, no entanto terminei a leitura com a sensação que cumpriram o papel para o qual foram designadas o que é o mais importante.

O que não pode ficar esquecido, de todo, são os cenários e enredo que envolve os intervenientes. Atravessando diversas épocas e diferentes tipos de descrições breves mas curiosas, entre o real e o maravilho através das sereias e do mar, esta é uma narrativa que agradará um género muito diversificado de leitores.

Enquanto leitora penso que Deusa do Mar recupera a essência que sempre esperamos alcançar através de um livro de fantasia falando-nos de magia, da vontade de atingir outros mundos e, do que reconditamente desejamos, viajar no tempo.

É um livro muito dedicado à mulher ao longo dos diversos períodos da sua evolução, da sua essência natural, do seu valor e por isso a autora recorda-nos do quando fomos desvalorizadas no passado e, por exemplo, de como agora estamos presentes em todas as profissões actuais.

P C Cast apresenta uma escrita diferente da que eu estava habituada sendo que os livros que tinha lido anteriormente da autora eram para um público mais juvenil. Desta feita, a autora revela aqui uma lado mais maduro, sendo evidente o quanto estima as suas atraentes personagens e do quando ela se dedicou à pesquisa para a concretização deste livro.

O romance está presente e, embora o mistério seja posto de parte, existe bastante acção, sensualidade e volúpia que entretém as leitoras mais avidas deste género luxurioso, assim como os amantes do maravilhoso, em especial os que pretendem variar os actuais temas explorados no fantástico (vampiros, anjos etc.). Eu fiquei efectivamente encantada sendo este o primeiro livro que li sobre sereias.

Gostei realmente de tudo aquilo que o livro conseguiu transmitir, no entanto alerto, para quem anda a procura de um simples livro de fantasia não é isso que irá encontrar, irá sim deparar-se uma abordagem muito particular ao feminino com um pouco de fantasia.

Eu da minha parte aguardo o lançamento do próximo título da série O Chamamento da Deusa para breve e com bastante curiosidade, não podendo deixar de congratular a ASA na sua colecção a 1001 mundos por este magnifico livro. Gostei muito."


E então? Que acharam? Partilham da mesma opinião?

Benditos sejam!

3 comentários:

anáá disse...

Já li e adorei, recomendo vivamente.

Kelly disse...

eu quero muito ler :)
p.s: nao é "que acharão?" mas sim que acharam :p


Beijinho*
www.scream-of-beauty.blogspot.com

Cats disse...

Eu espero ler em breve! Ainda não tenho o livro mas tenho visto as criticas e acho que vou gostar mesmo .. P.C. Cast faz livros muito bons !