http://i1295.photobucket.com/albums/b634/Katleyy/letras-Coacutepia3_zpscc96821c.png

Informações da conversa de PC e Kristin Cast com os fãs

Olá Filhos e Filhas das Trevas!

À cerca de 3 semanas houve um chat de fãs da Casa da Noite no Facebook. Trago-vos hoje algumas coisas que as autoras disseram que podem ser interessantes para vocês. sempre que haja um spoiler tem o aviso no inicio da frase.

  • Eu concordei em escrever mini-livros das histórias do Dragon, Anastacia, Lenobia e Neferet. Eles serão lançados nas pausas dos livros grandes.- PC
  • (...)O Damien é baseado numa pesso real (...) - Kristen
  • Para falar dos rituais eu inspirei-me por pesquisar e adorar aprender culturas antigas. Eu gosto de conhecer o passado e usá-las como um trampolim para o mundo novo. Eu também me inspiro ao viajar e conhecer pessoas. - PC
  • Sim! Existe campos de lavanda em Oklahoma! A quinta da avó Redbird é baseada num local verdadeiro.- PC
  • A minha personagem preferida é o Damien! Ele é tão giro (especialmente na vida real)! Adoro-o! - KC
  • Os livros vão deixar de ser contados pelo ponto de vista da Zoey quando a história dela terminar, o que não acontecerá tão cedo.- PC
  • Eu acho que gosto mais de escrever do ponto de vista da Afrodite. Ela faz-me rir.- PC
  • Desde que nos tornamos 'famosas' os nossos amigos (e familia) não mudaram de atitude porque eu e a Kritin não mudamos a nossa. Por exemplo, eu hoje fui à aula de Quimica do meu irmão enquanto ele leccionava, e depois li um pouco de Awakened para uma turma de arte AP (ensinada por um velho amigo meu) enquanto os miudos faziam esboços de mim. Todos agiram normalmente, embora uma rapariga tenha gritado um pouco...- PC
  • Eu escrevo vampyre com um ''y' porque eu gosto da maneira como fica. - PC
  • Eu não tenho a certeza se farei um capitulo do ponto de vista de Nyx. Tenho medo de escrever muitos spoilers da história. Quero dizer, ela é uma deusa! Ela sabe coisas que os mortais não sabem. - PC
  • Kristin e eu já falamos das nossas próximas séries. Nós já temos um ponto de partida para isso. É paranormal, mas não vampirico, e passa-se num mundo pós-apocaliptico, e será para jovens adultos. - PC
  • Eu não acredito nos bloqueios de escritores. As pessoas apenas não entendem o quão dificil escrever é (...) Eu já quis ser veterinária. Estaria habilitada para trabalhar com cócó, parasitas e animais a morrer? Oh não! (...) Eu acho que a ideia de ser autor é apelativa para muita gente que não estaria pronta para esse trabalho. - PC
  • Algumas das minhas personagens vão ter um final feliz. Outras não. Como na vida real... - PC
  • A mamã escreve o primeiro rascunho e eu sirvo como a sua editora com voz adolescente. Também apago muita coisa, mas ela finge que não sabe! - KC
  • Nós não discordamos em muita coisa... provavelmente porque não vivemos juntas e eu posso rejeitar as chamadas dela. - KC
  • O Kalona foi inspirado no mito de Lucifer. - PC
  • É dificil escolher um livro favorito, mas aqui estão alguns:
  1. Fahrenheit 451
  2. To Kill a Mockingbird
  3. Beauty by Robin McKinley
  4. The Silver Metal Lover by Tanith Lee
  5. All of the Outlander books by Diana Gabaldon - PC
  • Se podesse ter uma afinidade seria a terra. - PC
  • Eu teria afinidade com todos os elementos porque eu sou altamente! - KC
  • (...) a primeira metade é dificil de escrever, a segunda metade já é fácil. - PC
  • Se mudaria algo nos meus livros mais recentes? SIM! Quando escrevi 'Marcada' não fazia dieia de que iria fazer 12 livros do mundo Casa da Noite. (...) - PC
  • Não posso dizer sobre o que é o novo livro, porque mal o comecei. - PC
  • SPOILER BURNED - Escrever do ponto de vista do Rephaim é interessante. Ele é um personagem complexo e não pensa como os miúdos normais. Ele é um desafio, mas eu gosto disso.- PC
  • Marcada foi o que demorou mais a escrever. - PC
  • A nossa familia está orgulhosa de nós e é o nosso maior suporte. O meu avô sempre foi o meu maior fã. Para quem já leu a minha série Divine: o meu avó é o Papa Parker." PC
  • Eu não sei onde vou buscar a minha inspiração, apenas crio imagens na minha cabeça.- PC
  • Sim, eu perco-me quando estou a escrever, especialmente quando me aproximo do final do livro. A Kristin até me grita muitas vezes, do género 'Hei, mãe! Estás a escrever a umas oito horas! Levanta-te mulher! Come alguma coisa! - PC
  • Os personagens são maduros para a sua idade, é por isso que conseguem lidar com contrariedades, mudanças, perdas por que passam. O tempo passa e eles continuam a aprender e a crescer. Como algumas pessoas, alguns não vão ficar muito mais maduros, infelizmente. - PC
  • Eu inspirei-me no antigo conhecimento da deusa para as tatuagens. Quando uma Alta Sacerdotisa escolhe a sua deusa, ela é marcada de alguma maneira - as tatuagens eram uma das maneiras. - PC
  • Eu tenho cicatrizes na minha cara desde que tinha quatro anos. Acho que o meu pai foi quem me ajudou a lidar melhor com esse facto. Ele dizia-me que eu era bonita e esperta, e que podia fazer tudo desde que trabalha-se o suficiente. Eu acreditei nele. (...) - PC
  • Eu escolhi os titulos antes, durante e depois de escrever os livros! E o meu editor às vezes ajuda-me a escolher. É estranho como os titulos parecem tão acertados, mesmo quando eu não sei quais serão logo de inicio. - PC
  • Eu não tenho nenhum actor em mente para o filme, porque criei as personagens na minha cabeça, logo já tenho o meu elenco. -PC
  • Nós só fazemos referência a um livro ou a um filme se já o tivermos lido ou visto. - PC
  • Não te posso dizer como os iniciados vermelhos foram criados porque seria um spoiler, mas posso-te dizer que não tem só a ver com a Neferet. - PC
  • Eu criei os livros a ocorrer em Tulsa porque acho importante usar realismo quando criamos um mundo paranormal. (...) - PC
  • Eu fico triste quando termino uma série, por isso sinto-me bem por saber que ainda tenho muito que escrever sobre a Casa da Noite. - PC
  • Gosto de cenas pesadas nos dialogos. Escrever dialogos é divertido! - PC
  • Muito obrigada pela vossa lealdade e suporte. Os nossos leitores são os melhores! Por favor, saibam que em cada livro eu tento expandir o mundo e contar mais sobre as histórias de outros personagens, mantendo-me, no entanto, fiel à da Zoey. - PC

Tradução e adaptação por: Casa da Noite Portugal

Que Nyx vos abençoe!

1 comentário:

Inês Quintas disse...

Adorei!!!