http://i1295.photobucket.com/albums/b634/Katleyy/letras-Coacutepia3_zpscc96821c.png

Fanfic - All Right - 1º Capítulo

Olá Filhos e Filhas das Trevas!

A nossa querida Catarina enviou-nos uma fic que será postada todas as Terças-Feiras às 19h. A história é uma continuação de Marcada, por isso é acessivel a toda a gente x')


All Right

1º capítulo


Quando chegámos à Casa da Noite despedi-me dos meus amigos, e subi com Stevie Rae para o nosso quarto. Estava tão cansada, parecia que não dormia à séculos. Chegando ao quarto deixei-me cair na cama e suspirei de alívio. Por fim em segurança na minha casa, e sim é a minha verdadeira casa e sabe mesmo bem dizê-lo. Não me queria preocupar com mais nada, bastava de preocupações pelo menos até ao resto da minha vida, que se eu concluísse a Mudança ainda seria bastante longa, que eu iria passar com os meus amigos e com o Erik, sem dúvida nenhuma.

- Eih, estou orgulhosa de ti Zoey! – Stevie Rae olhava e sorria para mim com a maior felicidade.

Olhei para ela, levantei-me e abracei-a com toda a minha força, eu sabia agora, mais que nunca, que ela estaria sempre ao meu lado.

- Obrigado, eu também estou orgulhosa de ti. Eu sei que estavas com muito medo durante o ritual, mas mesmo assim mantiveste-te firme – afastei-a e ergui-lhe a face para que pudesse ver os seus olhos - e assim não me deixas-te só a mim orgulhosa, mas também à nossa Deusa. – Disse-lhe enquanto a olhava nos olhos, e pude ver lágrimas a descerem-lhe pela face.

- A sério Z, achas que a Deusa está mesmo orgulhosa de mim? – Perguntou Stevie Rae.

- Claro que acho, deixas-te a Deusa orgulhosa de ter uma Filha tão corajosa como tu, e nunca mas nunca duvides disso. Okay? – Exclamei num tom meio sério.

- Okay, eu acredito em ti Z, na verdade eu vou sempre acreditar em ti, és a minha melhor amiga, sempre serás… - Disse entre lágrimas e sorrisos.

Quando dei por mim estava também a chorar. Eu sabia que aquelas palavras eram sinceras e que vinham do fundo do coração, eram palavras que não ouvia de uma amiga à muito tempo.

- Tu também serás sempre a minha melhor amiga. – Abracei-a mais uma vez e exclamei enquanto sorria – Agora precisamos de dormir, parecemos duas Marias Madalenas para aqui a chorar feitas doidas.

Rimo-nos as duas. Era bom saber que depois da noite de hoje ainda me restavam forças para rir.

- Tudo bem, vamos dormir, importas-te que eu vá à casa-de-banho primeiro? Juro que não me demoro. – disse Stevie Rae.

- Vai lá rapariga, eu vou vestir o pijama.

E foi isso mesmo que fiz, fui ao roupeiro, baixei a camisola e pude ver com mais clareza as tatuagens que percorriam a minha face, o pescoço e os ombros. Percorri-as com o dedo, consegui sentir a magia que transmitiam. De repente uma luz brilhante, mas que os meus olhos conseguiam suportar, preencheu o quarto e dela vinha uma mulher de beleza infinita, com cabelos pretos que esvoaçavam e que a tornavam ainda mais bonita, ela estendeu os braços para mim e disse com uma voz muito doce. Feliz encontro, minha Zoey!

- Feliz encontro. – disse enquanto saudava Nyx com o sinal de respeito dos vampyros, cabeça curvada e o punho sobre o coração.

Nyx sorriu para mim. Vim aqui para te dizer o quanto estou orgulhosa de ti, portaste-te como uma verdadeira Sumo-Sacerdotisa, eu sabia que não me ias desiludir, minha querida!

- Obrigado, nem sabe o quanto fico feliz por ouvir essas palavras. – era verdade, eu estava mesmo muito feliz por saber que Nyx estava contente comigo, neste momento era muito importante saber isso – Prometo que nunca a vou desiludir!

Eu sei minha Filha, tu não és como outros, mas isso não interessa.
Outros? Mas que outros? Do que estaria Nyx a falar? Será que alguém se recusou a seguir o caminho da Deusa?


Que Nyx vos abençoe!

2 comentários:

Vitor MP disse...

Adorei :)
GOstei mt, Catarina.

Que Nyx te abençoe bjs

Joana MP disse...

Desculpa não ter lido mais cedo, mas o tempo não perdoa, mal tenho tempo pa respirar...
Adorei, fico à espera do resto, Gémea!

Que Nyx te abençoe!
Joana