http://i1295.photobucket.com/albums/b634/Katleyy/letras-Coacutepia3_zpscc96821c.png

Blessed - 3º Capitulo


Methalia


Agora que já tinha marcado o meu outro eu, tinha de começar a realizar os preparativos para ela revelar a afinidade que lhe conferi desde que a Marquei. Deambulava de um lado para o outro na varanda do palácio das Sombras, onde eu regia como soberana do mundo dos Mortos, sempre a pensar nalguma ideia mas nada vinha ao de cima. Começava já a ficar aborrecida e impaciente. Que a morte recaia sobre a minha irmã Nyx, que me encarcerou aqui, para que nunca mais possa viver.Embora ela fosse a própria personificação da Noite, eu sou a personificação das Trevas. Eu tinha claramente mais poder. Ódio, rancor, amargura, desprezo…eu nem sei sequer que mais pensar dela, a não ser que tinha de destruir a sua sacerdotisa.

- Minha Rainha, que se passa convosco? – Aquela voz repentina que surgira do nada viera até mim e o seu corpo fez-se clarear. - Nada, Loren. – Respondi a seguir, ainda com tom de frustrada. – Em breve, sairei deste lugar hediondo e poderei levar a escuridão eterna ao mundo da superfície, onde os filhos da minha irmã caminham alegremente.

- Compreendo, sua Alteza. Mas… - Ele continuou a caminhar até chegar suficientemente perto e solicitar uma das minhas mãos, beijando-as e acariciando-as suavemente. – Será que poderei ir consigo? Eu conheço melhor o mundo actual. Aliás, também tenho a minha vingança contra o Povo da Fé. Por me terem morto. Mas eles nem sabem o que lhes espera.

- Concordo severamente contigo. Precisamos de mostrar ao mundo quem nós realmente somos. A minha vingança por ter estado aqui fechada vai ser finalmente executada. A minha irmã apenas me selou aqui…no mundo dos Mortos, porque temia o meu poder. Tinha medo que eu me descontrolasse e que perdesse o equilíbrio da própria Natureza.

Desta vez, os seus braços subiram até à zona da minha cintura. Ele fez-se aconchegar naquele íntimo que nos separava e quando finalmente parou, ele selou os seus lábios nos meus. Achei realmente que ele podia estar a brincar comigo, mas não fora isso que senti. Ele queria mesmo fazer aquilo...queria mesmo beijar-me…

Eu nunca soube o que era amar. Não tive oportunidade de dar largos ao conhecimento que eu tinha do mundo em si. Eu tinha um controlo sobre as Trevas e elas tinham um controlo sobre mim. Parecia que estávamos em plena sintonia. Ela selou-me pouco tempo depois de descobrir que eu possuía as Trevas na sua totalidade. Passado muito tempo, fui observando as almas dos mortos a chegar e a caminhar para o que a vida eterna lhes reservara. Os que haviam cometido enormíssimos pecados ficavam a servir-me. Foi assim que conhecera Loren. Ele parecia uma alma renegada por tudo e por todos. Até pela Neferet, a quem eu confiara uma parte dos meus poderes, tinha negado ouvir mais a minha irmã e desde então, começou a ouvir-me a mim. Eu sentia-me poderosa ao pactuar com ela. À medida que o tempo escasseava, ela foi também deixando de me ouvir, acabando por querer também o controlo sobre o mundo, tanto dos vivos, como dos mortos.

Mas agora eu sabia o que me ligava a Loren – Um ódio semelhante ao meu e um total desprezo pelas pessoas. Amor poderia até existir entre nós. Afinal, eu precisava de alguém a meu lado para quando reinasse. Sem mais demoras, retribuí aquele beijo ofegante, que me fizera perder o controlo sobre mim mesma.

Ele pegara em mim e levara-me de novo para dentro do palácio. Pousou-me gentilmente sobre a cama que havia dentro do meu quarto e retirava cuidadosamente as roupas que eu tinha vestido. A vontade que ele tinha finalmente ganhou força dentro de mim. Comecei também a retirar-lhe a camisola que trazia vestida.

- Minha Rainha… - Os seus gemidos tornavam-se cada vez mais aliciantes e uma vontade grotesca em mim nasceu. Os seus beijos tornavam-se cada vez mais ofegantes e cada vez mais frequentes, começando a percorrer todo o meu corpo.

- Loren…Tu agora fazes parte de Methalia…fazes parte de mim.

Após lhe ter ditado a mensagem que há muito guardara naquele pequeno espaço, ele voltou a selar os seus lábios nos meus. Aqueles sedentos lábios, combinados de paixão e ódio – algo que me fazia querê-lo muito mais daquilo que eu imaginava.

- Iremos ter a nossa vingança contra o mundo dos vivos. – Disse ele, enquanto a sua voz fluía pelos meus ouvidos. – Voltaremos a caminhar sobre a terra e teremos aquilo que desejamos há muito tempo. Governaremos em ambos os mundos. Mas agora deixemo-nos desfrutar este momento.

- É verdade. Mas uma parte de mim reencarnou no outro mundo. Partiu para a Casa da Noite, em Tulsa. Onde tu leccionaste aulas de poesia, creio.

- Isso é bom saber. Marcaste-a?

- Sabes bem que sim. Preciso que o meu outro eu se una a mim. Duas pessoas são melhores que uma, certo?

Enquanto me beijava sedutoramente o pescoço, pude ouvi-lo sussurrar:

- Que tal três pessoas?

Sentia-me mesmo dominada por um morto. E não parecia mesmo mau de todo. Estendi um dedo na sua testa e Marquei-o como meu…para toda a eternidade. Ele gemeu um pouco, devido à dor. Mas pouco tempo depois, recuperou a consciência e retomou os seus longos e carinhosos beijos na minha barriga. Com o mesmo dedo que usara para o Marcar, arranhei o meu braço e disse-lhe:

- Bebe e sê eternamente meu.

Ele assentiu com a cabeça e comecei a sentir o aliciante toque da sua língua a devorar aquela linha escarlate que eu perfurar no meu próprio braço. De seguida, ele estendeu o seu e perfurou-o também e a minha língua seguiu o percurso que o sangue morto traçava, à medida que escorria.
Numa noite de puro amor e ódio conjugados, estávamos finalmente decididos. Iríamos proclamar o que era nosso por direito. Iríamos ter a nossa vingança.


Que Nyx vos abençoe

7 comentários:

Anónimo disse...

wow... fantástico!!! escreves mesmo bem, muitos parabéns!
adorei a ideia de a Nyx ter uma irmã!
beijos
Matilde

Anónimo disse...

Olá

Vitor, tens mesmo muito jeito para escrever! E montes de imaginação!
Continua =)


Biaa

Joana MP disse...

Adoro, meu anjo!
Tbm acho que ele tem muita imaginação.
Só houve aqui um pequeno problema mas felizmente já tá resolvido.
Continua!

Bjs,
Joana

Catarina MP disse...

Está tão fantástica que nem sei que palavras usar. Que mania a tua de me deixares sem palvaras, bolas xD

Gostei bué, eu sabia que não me ias desiludir! :)

bjs,Cat

Sam disse...

Wow! Demais, essa parte está fantastica. Amo essa fic.

Nesi disse...

Vitor, amei ! Gostei mesmo da ideia de Nyx ter uma irma, e de Loren estar com ela.
Beijos

Angie; disse...

Sem palavras msm! Se a PC Cast te descobre vai-te "roubar" pra fazerem uma colecçao de livros juntos! fantastico adorei!