http://i1295.photobucket.com/albums/b634/Katleyy/letras-Coacutepia3_zpscc96821c.png

Fanfic: Forgiven - Epilogo

Kayla
- Pois vês? O que uma Deusa não faz, eu faço-o por mim mesma!
Dei um chute forte nas partes baixas do Chronos… Desde que descobri que ele andava enrolado com a cabra da Neferet ao mesmo tempo que me dizia amar, eu fiquei fula da vida!
- Kayla, amor, que estás a fazer? – ele perguntou, depois de se levantar agarrado aos tintins.
- Que achas? Estou a tricotar um cachecol para o cão da vizinha! – aprendi esta com a Za… A minha ex melhor amiga… tudo bem… eu sempre a odiei um bocado…, nem era bem odiar… acho que era inveja…
- Não brinques comigo! – ele agarrou-me com força no braço. Eu soltei-me antes dele me começar a causar dor.
- Não brinco em serviço! – virei-me de costas para ele. Olhei para o pano preto que escondia a lâmina que me ajudaria a acabar com ele. A espada de Zeus… Carregada de força eléctrica se é que me percebem…
- Atiçada, hein!
- Tenho os meus dias… - encaminhei-me até ao pano, tirei de lá a espada.
Há anos que era conservada como relíquia de família. Apenas há algum tempo é que descobri o seu poder. Quem diria que esta lâmina tinha sido feita especialmente para ele… Mas tinha um senão… Eu também teria de ir… Sabem… Morrer…
Virei-me e enterrei-lhe a espada no peito. Notou-se a electricidade a percorrer-lhe o corpo, que depois caiu no chão, já sem vida, após muitos e demasiados anos de existência. Passados segundos era só cinzas ali. Comecei a chorar… Agora eu tinha de acabar com a história…
- Não acredites em tudo o que lês na Net… Acredita que apenas assim ele não regressará. Tenho a certeza! – um ombro agarrou-me por trás. Virei-me
- Z… Z… Zoey?
- Sim… - ela sorriu
- Que estás aqui a fazer?
- Não sei – ela olhou em redor. – acho que vim dar uma volta e acabei por vir aqui ter…
Ri-me levemente. Foi assim que nos conhecemos:
Eu estava a andar sem rumo, tinha apenas uns seis anos. Os meus pais estavam a discutir e eu saio para não ouvir aquilo. Embrenhei-me no campo que tinha perto de minha casa. Tentei voltar, mas não consegui. Comecei a chorar. Culpei os meus pais por discutirem.
- Oi
- Quem és?
- Zoey e tu?
- Kayla
- Vamos ser amigas?
Tanta ingenuidade e inocência na altura… Passámos a tarde a falar e depois disso tornámo-nos as melhores amigas… Tenho saudades desses tempos…
***
-Como sabes?
- Lembras-te que sou uma aberração?
- Nunca te achei uma aberração… Sempre te invejei… Parecias tão feliz…
- As aparências iludem… - ela sentou-se a meu lado.

Zoey
Levantei-me, dei um beijo a Heath e saí da escola, depois de tapar as Marcas… Precisava de sair…
Inconscientemente fui até onde eu e Kayla nos conhecemos… Via a soluçar, com a espada nas mãos.
- Não acredites em tudo o que lês na Net… Acredita que apenas assim ele não regressará. Tenho a certeza! – disse, colocando a minha mão no seu ombro.
A nossa conversa prosseguiu. Já não a considerava como considerava a Afrodite no início. Digamos que ficámos como apenas conhecidas.
Depois de algum tempo o sol começou a dar sinais de querer aparecer. Despedi-me de Kayla, depois de a levar a casa.
***
- Onde estiveste?!
- Por aí… Precisava de sair um pouco e andar… O Chronos acabou-se
- Como?! – perguntarem todos de olhos esbugalhados para mim.
- A Kayla acabou com ele. A espada feita para o serviço era relíquia de família. Ela descobriu o seu destino há pouco tempo.
- WOW! A K? – perguntou Heath
- Sim
- Não interessa! O que interessa é que acabou! Não há mais Chronos para ninguém!
- Isso! Idem Gémea, Idem!
- Concordo, Zoey anima-te!
- Sim… Só preciso de dormir…
Despedi-me e subi as escadas para o meu quarto.
***
Este era o nosso último ano na Casa da Noite. De terceiranistas passámos a sextanistas num ápice. Os anos passaram depressa. O grupo permaneceu igual. As filhas das trevas iam bem. Os vampiros vermelhos estavam totalmente inseridos na escola. Não havia ‘divisão de cores’. Stevie Rae casou-se com o namorado, meu actual professor de teatro. Erik conheceu uma humana na Europa que o aceitou. Agora estão juntos e ela espera um bebé, do qual vou ser madrinha!
Eu e Heath estamos bem, muito bem. Já estamos mais adultos. Acho que o meu ano de terceiranista contribuiu e muito para eu crescer. Aliás, ele já mudou! Há três dias, mas mudou!
Agora estamos a jantar, depois dum último Ritual da Lua Cheia.
- Z, como achas que correu?
- Bem, como sempre… - estava um pouco indisposta.
- Passa-se alguma coisa?
- Nada… Só uma dor de barriga…
- Hum… - Damien soltou.
Depois só vi uma luz branca e um calor no corpo que fazia doer. Senti o suor a escorrer-me na cara. Eu estava a arder! Tinha os olhos cerrados para tentar segurar a dor. Embora gritasse
- Zoey! – ouvi de longe. A dor foi cessando e tudo voltou ao normal
- Z!
- Eu… - tentei falar, mas faltava-me o ar.
- Vem – Stevie Rae, minha melhor amiga pegou-me na mão e ajudou-me a caminhar para fora do refeitório.
- Que… Que aconteceu? – perguntei depois das dores de cabeça cessarem
- Mudaste
- Mu quê?
- Mudaste!
- Mudei?!
- Sim!
- E agora?
- Agora vais fazer o ritual da mudança e depois decides o teu futuro por ti
- Pois…
Passei pelo ritual. Até que nem era um bicho papão (como se ele existisse…). Punham-nos uma mistela qualquer na testa com o pentagrama, e mais umas cenas… Enfim…

- Zo!
- Heath!
- Então?
- Então? – dei-lhe um beijo
Já disse que o Heath vai ficar aqui a dar as aulas de futebol? Não? O Heath vai ficar cá a dar as aulas de futebol
- Estamos de férias… Mudados… Que queres fazer agora?
- sair daqui e ir para algum lugar do mundo contigo
- Eu também… WOW!
- Que foi?
- Adoro as tuas Marcas!
- Como assim? – Heath pegou-me ao colo e levou-me ao seu quarto.
Olhei-me ao espelho. As marcas já não estavam azuis. Tornaram-se prateadas, como a cor do círculo que nos unia nos rituais…
- Oh minha Deusa!
- Estão lindas! E só te fazem ainda mais perfeita do que já és!
- Pára!
- Não!
- Sim
- Não
Beijei-o. Heath separou-se e foi trancar a porta. Pegou-me ao colo e apenas me largou quando estávamos os dois na cama. Pronto… O resto já se sabe… Acabei por adormecer com a cabeça no seu colo.
“As memórias e os sonhos também doem…” – Chronos disse, ‘entrando’ no meu sonho e estragando a minha vida perfeita.


Digam o que acharam da fanfic agora que ela chegou ao fim ;) [CdnPT]

Sem comentários: