http://i1295.photobucket.com/albums/b634/Katleyy/letras-Coacutepia3_zpscc96821c.png

Poema "Nova Impressão", por Paula Perleques

Feliz encontro Filhas e Filhos das Trevas!

A nossa querida Paula Perleques deixou-nos com mais um poema sobre Seduzida. Espero que gostem e comentem!

"Nova Impressão", por Paula Perleques

Aos túneis desceu,
Para seus iniciados tentar convencer
Para a Casa da Noite consigo regressarem,
Escolherem o Bem
E voltar costas ao Mal.

Os iniciados Vermelhos recusaram,
Escolhendo assim o Mal,
No telhado do depósito
Uma emboscada lhe armaram,
Para que morresse, ao nascer do Sol.

Pela alvorada
Sua pele sentiu queimar,
Para que nada de mal lhe acontecesse
Zomba-Corvos com seu enorme corpo a protegeu.

Com sua ajuda
Para dentro da Terra conseguiu ir,
Para sobreviver
Sangue tinha de beber.

Com o bico
Zomba-Corvos um golpe abriu
Em seu corpo, que logo sangrou
Para Sacerdotisa Vermelha se alimentar
E sua vida salvar.

De seu sangue não queria beber
Pelo seu cheiro,
Mas, dele a obrigou se alimentar,
Ao tomar seu sabor
Não era tão mau quanto seu cheiro.

Do Zomba-Corvos se alimentou
Uma nova impressão surgiu,
Apagando qualquer tipo de impressão
Com sua consorte humana.

Estranho foi,
Pois, depois de impressão criarem,
Rapfaim seu protector
A se transformar sentiu.


Enviem também os vossos poemas, desenhos, textos sobre a saga para o email jwalter2412@gmail.com.

Benditos sejam!

Sem comentários: