http://i1295.photobucket.com/albums/b634/Katleyy/letras-Coacutepia3_zpscc96821c.png

Crítica a "Traída"

Oi pessoal, deixo-vos aqui mais uma crítica a "Traída", este do blog Um Livro no Chá das Cinco.

Betrayed mantém seu aspecto gótico e sombrio no livro. Neste segundo livro, confesso que fiquei decepcionada com a demora dos acontecimentos. O livro realmente fica interessante só depois da primeira celebração de Zoey como a líder do grupo Filhas Negras e isso só acontece depois da metade do livro infelizmente... A partir daí o livro retorna a ação e finalmente traz algumas respostas esperadas desde o primeiro livro.

Embora eu esteja apreciando a série, mais do que inicialmente pensei que ia, acho que as autoras deviam ter tido mais cuidado em não deixar tantas semelhanças de outros livros tão expostos... Acho que com isso a série perde em muito a sua originalidade. Já tinha falado anteriormente sobre a semelhança de Harry Potter no livro. Mas agora, um novo exemplo, são os rituais dos vampíros, que parecem mais um Círculo das Pedras em As Brumas de Avalon. No começo achei diferente retratar o paganismo anexo ao mundo dos vampiros, mas fico imaginando para quem é fã do tema, deve achar completamente bizarro e inadmissível?!

Mas, contudo, vou continuar com a série. Estou curiosa para saber o que está por trás das mortes de tantos calouros e humanos... Zoey e suas dúvidas amorosas também não deixa de ser interessante. E a relação dela com o ex-namorado humano Heath é 'quente' e bizarra. Me divirto quando os dois estão juntos...

Então, até o 3º livro da série: Chosen.

Lili



Partilham da mesma opinião pessoal?

2 comentários:

Jéssica disse...

Não Concordo Mesmo NADA !

O Livro Traída é mesmo muito bom !

Adoreei, e tou á espera do proximo !

Beijo
Jessica

Rachel'Bates disse...

Eu concordo eu pouco...
Mas eu adoro a Casa da Noite e o livro Traída é mesmo muito bom... Eu amo esta colecção... Já li até agora todos os livros da Casa da Noite e adorei.... Os primeiros capítulos do Traída são um pouco "aborrecidos" pois não conhecemos as suas verdadeiras complicações....
Quem gostar mesmo da saga tem de experimentar lê-la em inglês . Foi o que fiz e adorei.


Bjcas,
Rachel'Bates