http://i1295.photobucket.com/albums/b634/Katleyy/letras-Coacutepia3_zpscc96821c.png

Fanfic: The Girl With The Red Rose - Capitulo 10

Capitulo 10

Depois do que aconteceu com Margarida não aguentei e fui deitar-me. Não conseguia pensar no que iria ou deveria fazer. O que será certo e o que será errado? Fui deitar-me e tentei dormir. Rezei a Nyx pedindo-lhe ajuda.
Não estava a conseguir assimilar tudo o que se estava a passar comigo. Teria de perceber para que serviam os meus poderes. Como podia ser útil o facto de falar com mortos e sentir as emoções das outras pessoas?
Estava com uma dor de cabeça horrível quando finalmente consegui entrar no mundo dos sonhos.
Não me lembro do que sonhei só sei que quando voltei a acordar olhei para o relógio e vi que conseguira descansar 2 horas o que já não fora nada mau, dadas as circunstancias. Decidi ir lá para baixo ver o que os meus amigos estavam a fazer, pois não estava com vontade nenhuma de passar o fim-de-semana todo fechada no quarto. Desci as escadas até ao salão onde estavam Joka e Tekas sentadas a ver um filme. Quando me aproximei vi que estava um rapaz que não conhecia sentado ao lado de Joka.
-Então Mariana? Já dormiste tudo o que tinhas a dormir?
-Acho que sim, pelo menos já estou mais descansada. Não vais apresentar-me o teu amigo Joka?
-Ah, sim este é o Angel, é o companheiro de quarto do David. –Joka vez um gesto na direcção do rapaz.
-Olá.
-Olá. Sou a Mariana.
-Falando em David, não tens nada para nos contar Mariana? – Joka e Tekas riram-se. Comecei a corar, e sem lhes dizer mais nada sentei-me no sofá ao lado do delas.
-Não há nada para dizer.
-Namoram? - perguntaram-me enquanto se riam de uma maneira quase histérica uma para a outra.
-Não sei, tive que me ir embora porque a Margarida não estava bem. – não disse mais nada no que dizia respeito à Margarida e ao meu dom pois Angel estava presente. Permanecemos todos sentados a ver o filme, muito sinceramente não estava a prestar atenção nenhuma ao filme, nem sabia do que se tratava. Estava a pensar no meu suposto dom de sentir as emoções dos outros. Olhei para Joka, e concentrei-me nela. Já que não tinha mais nada que fazer podia pelo menos tentar explorar o meu dom. Concentrei-me na minha amiga. Não precisei de me esforçar muito, passado alguns segundo senti novamente uma corrente eléctrica, parecia que estabelecia uma ligação com ela. Consegui sentir nervosismo e …
-Há há há – não consegui conter-me e comecei a rir-me. Agora o facto de ter um Dom até me agradava. Nem acredito nisto. A minha amiga Joka estava apaixonada por Angel.
-Mariana do que te estas a rir? – deviam achar-me uma completa tolinha por me estar a rir sozinha.
-Descobri o meu dom.
-Pareces animada, é assim tão bom?
-Bom? É fantástico, vai divertir-me durante muito tempo. – continuei a minha sessão de riso histérico,
-Qual é? – Tekas parecia entusiasmada. Angel até se inclinou para também conseguir ouvir o que eu iria dizer.
-Eu sinto as vossas emoções.
-Como assim? Tu sentes as nossas emoções?
-Yap. Consigo sentir tudo o que vocês estão a sentir. – olharam para mim com um ar interrogativo.
-Achas que isso faz sentido? Quer dizer, sentes as nossas emoções mas para que serve isso?
-Pois, sentido não faz a não ser que também consiga controla-las. – reflecti no assunto, quer dizer até tinha uma certa lógica, só sentir as emoções não faria qualquer sentido se também não conseguisse modifica-las.
-Já tentaste? Vá lá Mariana, concentra-te e tenta controlar as minhas emoções. – Joka fez um ar confiante. Assenti com a cabeça e concentrei-me nas emoções da minha amiga. Tentei mudar o estado de espírito dela. Não demorou muito e ela começou a chorar, quando lhe perguntar porque estava ela a chorar ela respondeu que estava triste mas que não sabia porquê.
-Conseguiste! É incrível, ela consegue mesmo mexer nas nossas emoções.

4 comentários:

Ana disse...

Eu estou a adorar! E este novo dom é muito engraçado!

Continua!

ines disse...

wow! além de ver iniciados mortos também consegue controlar emoções. Mal posso esperar pelo próximo capítulo :D bela história ;)

Marta disse...

Obrigada pelos comentários :)

ines disse...

de nada :D